domingo, 1 de agosto de 2010


























lá longe, na memória do que fomos. antes desta névoa abraçar os nossos corpos desnudos de fantasias.
lá longe, nas palavras de onde os beijos melados se soltavam. antes da boca se fechar e do suspiro murchar.
lá longe, na mão prisioneira do teu desejo que humedecia o meu. antes de secar o abraço perfeito que nos unia.

era uma vez...

brinca o vento com as nossas vozes, torna-as gotas de água a escorrer nos galhos desta história.
apaga a chuva carícias perdidas num tempo sem espaço.
soube-te princípe do meu reino esquecido... antes desta amnésia em que mergulhei!

34 comentários:

  1. Almourol, o castelo encantado...
    Boa semana

    ResponderEliminar
  2. Um profunda e grande amnésia. Simples de entrar, dificil de sair, talvez como tudo na vida.

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  3. Tempo que passa rápido e nos deixa cheios de saudades!!!

    Beijo no olhar!!!

    ResponderEliminar
  4. ERA UMA VEZ UM REINO ENCANTO...GOVERNADO POR UM SAPO...QUE SE ESQUECEU DA PRINCESA JÁ QUE FICOU PERDIDO NESTA PROSA POÉTICA...E ENQUANTO BEBE AS PALAVRAS COM ARRANJO METAFÓRICO A ALMA DA PRINCESA VAGUEIA AMNÉSICA NOS GALHOS DAS ´´ARVORES NOSTÁLGICAS DE UM TEMPO SEM FIM...
    ERA UMA VEZ...

    BEIJO

    ResponderEliminar
  5. obrigada pela visita e venho encontrar um espaço lindo!
    palavras certas numa foto excelente!
    bejinhos

    ResponderEliminar
  6. Às vezes a amnésia é o melhor remédio...quando nos lembramos já o tempo fez o seu trabalho de curador...

    Beijos

    ResponderEliminar
  7. As nossas lembranças no tempo e o tempo que faz as nossas lembranças.
    Um texto bonito que nos faz pensar e rever a nossa vida neste tempo.

    ResponderEliminar
  8. Fica a nevóa...fica esse dia encantado...
    Memórias que não se repetem...fica a sombra....
    Mas que nos conte sempre histórias o Vento...
    Lindo.......
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  9. Essa memória que insiste em revificar a história, os sentimentos e a saudade!

    Ótimos dias, querida, e um beijo grande!

    ;)

    ResponderEliminar
  10. Amei seu blog e te sigo...
    Lindo começinho de agosto para ti...
    Beijo

    ResponderEliminar
  11. Ótimo blog!
    Bom final de semana
    =D

    ResponderEliminar
  12. Linda a sua postagem,deu uma saudade tamanha agora.
    Gostei demais,parabéns.
    Obrigado pelo carinho da visita.
    Um beijo grande e uma maravilhosa semana.
    Beijokas millllllllllll.

    ResponderEliminar
  13. Castelo de Almourol... das paisagens mais românticas que existem no nosso país!

    ResponderEliminar

  14. Una bella estampa. La lluvia fina empapa el paisaje de tristeza y suaviza la dureza del granito

    beijos

    CR LMA
    ________________________________

    ResponderEliminar
  15. Lá longe ainda moram sentimentos,,,bem perto da alma....beijos de linda semana pra ti.

    ResponderEliminar
  16. recordar é viver...
    desde que as recordações não nos prendam ao passado e nos impeçam de viver o presente...
    Boa semana....beijinho

    ResponderEliminar
  17. Almourol!
    Nunca conheci pessoalmente esse castelo, mas aqui nesta fotografia, com esta névoa, dá-me vontade de meter-me no carro e rumar a sul para ir ter com ele.
    Belo momento.

    ResponderEliminar
  18. Passado e presente ligados por "era uma vez..."
    Abracinho

    ResponderEliminar
  19. Lá longe...tão longe...

    ResponderEliminar
  20. tudo na vida passa, só temos de esperar
    Bj

    ResponderEliminar
  21. Genial! Tanto o texto quanto a foto, ela é sensacional e especial. Uma pintura!!! Beijo

    ResponderEliminar
  22. Era uma vez um castelo encantado...cheio de recordações.
    Bjs

    ResponderEliminar
  23. Gostei da foto e das palavras que lhe atribuíste.

    ResponderEliminar
  24. o lugar perfecto para escribir historias de fadas e trasgos.

    fermoso lugar

    bicos

    ResponderEliminar
  25. As pequenas gotas nessa árvore fizeram toda a diferença nesta foto... todo o cenário, com o castelo envolto nessa ténue neblina faz-me lembrar "As Brumas de Avalon"... vislumbrando-se o castelo do Rei Arthur...:)
    Quanto ao texto... mais uma vez, fantástico!!!

    ResponderEliminar
  26. *
    e das brumas da história,
    masceu um belo poema,
    parabens !
    ,
    limpidas conchinhas,
    deixo,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  27. Longe...muito longe...mas tão perto do teu coração...
    Beijo d'anjo

    ResponderEliminar
  28. Olá, bela fotografia de Almourol...belo texto...Espectacular....
    Beijos

    ResponderEliminar
  29. A amnésia surge por vezes como auto-defesa...
    Belas palavras, gostei.
    Querida amiga, bom resto de semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  30. castelo de almourol na bruma de todos os prenúncios, recuemos então.

    ResponderEliminar
  31. o vento brinca
    e leva
    para ouvidos distantes
    as palavras que deviam ser

    dos dois amantes...


    Alice, a fininha

    ResponderEliminar
  32. ... como eu gosto destas histórias de principes e princesas, das suas grandes paixões e da prole de filharada que nunca é refenciada por (imagino) pura amnésia.
    Brinco, cllaro, que as tuas letras são sempre lidas com gosto.

    B eijos e sorrisos.

    ResponderEliminar
  33. UAs Gotas de orvalho e neblina num ambiente místico, convidaram a uma viagem temporal, formando um momento muito especial, tão bem captado nessa bela imagem. E o texto, é a expressão da linguagem da alma.

    ResponderEliminar
  34. Um belo efeito visual este com a árvore como foco mas a nossa atenção no castelo...excelente imagem para nos levar no nosso imaginário!
    (mas porque será que ainda não tinha visto esta foto antes?!!!)

    ResponderEliminar

um minuto
uma palavra
uma presença
obrigada